Foi realizada na manhã dessa terça-feira (10) uma audiência na 73ª Vara do Tribunal Regional do Trabalho Rio de Janeiro para julgar o pleito da Feteerj e Sindicatos filiados de que os professores (instrutores) das escolas do Senac passem a ser representados por aquelas entidades sindicais.

Na audiência, o juízo concedeu um prazo de 120 dias para que as partes busquem um acordo e determinou a ciência e a manifestação do MPT na ação. Se após esse prazo não houver acordo entre as partes, haverá nova audiência.

O coordenador da Secretaria de Administração da Federação, Robson Terra, representou os sindicatos na audiência. Ele informa que as entidades vão aguardar que o Senac apresente a proposta de agenda de acordo à Feteerj e aos sindicatos para dar início à negociação.

Os sindicatos que pleiteiam representar os professores do Senac são: Sindicato dos Professores do Município do Rio (Sinpro-Rio), Sinpro Nova Friburgo e Região, Sinpro Campos e São João da Barra, Sinpro Niterói e Região e Sinpro Norte e Noroeste Fluminense.