Nesta sexta-feira (29), a diretoria do Sinpro-Rio se reuniu com a reitoria da Universidade Castelo Branco (UCB). Na reunião, o sindicato repudiou a demissão em massa de professores daquela instituição que ocorreu esta semana.

Uma professora da UCB participou da comissão do sindicato, que reivindicou a listagem completa dos demitidos e a reintegração imediata deles.

A UCB entregou a listagem dos demitidos, confirmando que 78 professores foram demitidos, em um quadro de cerca de 400 mestres.

O Sinpro-Rio reafirmou à UCB que não aceita as demissões e marcou uma assembleia com os professores demitidos para a próxima quarta (03/01), às 10h, no auditório do sindicato (Rua Pedro Lessa, 35/3º andar) – leia o edital abaixo.

Os alunos também estão se mobilizando contra as demissões: o DCE está convocando todos os estudantes da UCB, de todos os campus, a comparecerem ao campus de Realengo no dia 04/01, às 18 horas para a Assembléia Geral dos Estudantes, onde será decidido o calendário de lutas e serão debatidas as ações – leia aqui a nota do DCE contra as demissões.